El artículo / video que has solicitado no existe todavía.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

L'article / vidéo que vous avez demandée ne existe pas encore.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

Статьи / видео вы запросили еще не существует.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

あなたが要求した記事/ビデオはまだ存在していません。

The article/video you have requested doesn't exist yet.

L'articolo / video che hai richiesto non esiste ancora.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

요청한 문서 / 비디오는 아직 존재하지 않습니다.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

המאמר / הסרטון שביקשת אינו קיים עדיין.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

El artículo / video que has solicitado no existe todavía.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

L'article / vidéo que vous avez demandée ne existe pas encore.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

Статьи / видео вы запросили еще не существует.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

L'articolo / video che hai richiesto non esiste ancora.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

요청한 문서 / 비디오는 아직 존재하지 않습니다.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

המאמר / הסרטון שביקשת אינו קיים עדיין.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

Dirk Walter Mosig, ex-católico, Alemanha

Classificação:
Tamanho da fonte:

Descrição: Um ex-católico abraça o Islã.

  • Por Dirk Walter Mosig
  • Publicado em 27 Oct 2014
  • Última modificação em 27 Oct 2014
  • Impresso: 13
  • Visualizado: 3040 (média diária: 2)
  • Classificação: sem comentários
  • Classificado por: 0
  • Enviado por email: 0
  • Comentado em: 0

Em algum ponto de sua vida, você deve pegar uma cópia do Alcorão Sagrado e ler.  Tenha ou não noções pré-concebidas sobre o Islã ou os muçulmanos, deve perceber que esse livro, diferentemente de qualquer outro livro, é um comunicado de seu Criador para você.  É seu dever lê-lo e ponderar sobre os significados como Dirk Mosig - católico romano dedicado - fez.  Ele viajou da Alemanha para a Espanha e Argentina e fechou o círculo quando encontrou o Islã na forma de um Alcorão em espanhol. 

Como fui apresentado ao Islã?

Nasci em uma família cristã alemã durante a parte mais feroz da Segunda Guerra Mundial, em Berlim, em 1943.  Minha família se mudou primeiro para a Espanha no mesmo ano e, depois, em 1948, para a Argentina.  Fiquei lá por 15 anos.  Frequentei até o segundo grau na escola católica "La Salle" em Córdoba, Argentina. 

Como esperado, logo me tornei um católico fervoroso.  Tinha aulas diariamente por mais de uma hora sobre religião católica e frequentemente participava dos serviços religiosos.  Aos doze meu sonho era me tornar um padre católico.  Estava totalmente comprometido com a fé cristã.

Deus observou minha dedicação e em um dia memorável, quase sete anos atrás, permitiu que uma cópia da tradução espanhola do Alcorão chegasse até minhas mãos.  Meu pai não objetou que eu o lesse, já que supôs que apenas contribuiria para me dar um histórico mais amplo e nada mais.  Não podia nem imaginar o efeito que as Palavras de Deus teriam sobre minha mente. 

Quando abri o Livro Nobre, era um católico fanático e quando o fechei, estava totalmente comprometido com o Islã.

Obviamente minha opinião sobre o Islã não era favorável antes de ler o Alcorão.  Peguei o livro sagrado com curiosidade e o abri com escárnio, esperando encontrar erros horríveis, blasfêmias, superstições e contradições. Era preconceituoso, mas também era muito jovem e meu coração ainda não tinha tido tempo de se endurecer completamente.  Percorri as suratas (capítulos) relutantemente no início, ansiosamente depois e, por fim, com uma sede desesperada pela Verdade.  Então, no maior momento de minha vida, Deus me deu Sua orientação e me levou da superstição para a Verdade, da escuridão para a Luz, do Cristianismo para o Islã.

Nas passagens abençoadas do Alcorão sagrado, encontrei soluções para todos os meus problemas, satisfação para todas as minhas necessidades, explicação para todas as minhas dúvidas.  Deus me atraiu para Sua Luz com força irresistível e com alegria me liguei a Ele.  Tudo parecia claro agora, tudo fazia sentido e comecei a me compreender, ao universo e a Deus. 

Estava profundamente ciente de que tinha sido iludido por meus professores mais queridos e que as palavras deles eram apenas mentiras cruéis, estivessem eles cientes disso ou não.  Todo o meu mundo foi abalado em um instante e todos os conceitos tiveram que ser revistos.  Mas o amargor em meu coração foi amplamente superado pela alegria inefável de ter finalmente encontrado meu Rabb (Senhor, Criador, Provedor) e estava cheio de vida e gratidão a Ele.  Ainda O louvo humildemente por Sua Misericórdia comigo. Sem Sua ajuda teria permanecido na escuridão e estupidez para sempre.

Cheio de alegria e entusiasmo corri para comunicar minhas descobertas às outras pessoas, meus pais, colegas de escola, meus instrutores.  Queria que todos conhecessem a Verdade, fossem livres de ignorância e preconceito, sentissem a alegria que eu sentia.  Encontrei uma fortaleza que os cercava, uma parede grossa que os separava da Verdade.  E não fui capaz de remover aquela barreira porque estava nos corações deles, mais dura que pedra.  Fui recebido com escárnio e perseguição, incapaz de compreender a cegueira de meus perseguidores.  Aprendi que somente Deus pode dar Luz.

Quanto mais aprendia, mas me sentia compelido a expressar minha gratidão a Deus por ter me levado ao Islã, a religião ideal.

Li as escrituras sagradas de todas as religiões e nunca encontrei o que encontrei no Islã: perfeição.  O Alcorão, comparado com qualquer outra escritura que li, é como a luz do sol comparada com a de um fósforo.  Acredito firmemente que quem ler a Palavra de Deus com uma mente que não esteja completamente fechada para a Verdade se tornará muçulmano, se Deus desejar.  Também viajará da escuridão para a Luz.

Que Deus conceda Sua Orientação a todos que buscam sinceramente a Verdade.  Os braços do Islã estão abertos para recebê-los no coração de uma comunidade chamada pelo próprio Deus como "o melhor povo que surgiu para o benefício da humanidade."

Todos os louvores são para Deus, o Senhor do universo!

Adicione um comentário

Outros Artigos na Mesma Categoria

Mais visualizados

DAILY
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
TOTAL
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Favorito del editor

Listar Artigos

Desde sua última visita
Esta lista no momento está vazia.
Todos por data
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Mais Populares

Melhores classificados
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais enviados por email
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais impressos
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais comentados
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Seus Favoritos

Sua lista de favoritos está vazia.  Você pode adicionar artigos a esta lista usando as ferramentas do artigo.

Sua História

Sua história está vazia.

View Desktop Version