El artículo / video que has solicitado no existe todavía.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

Статьи / видео вы запросили еще не существует.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

您所请求的文章/视频尚不存在。

The article/video you have requested doesn't exist yet.

あなたが要求した記事/ビデオはまだ存在していません。

The article/video you have requested doesn't exist yet.

L'articolo / video che hai richiesto non esiste ancora.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

요청한 문서 / 비디오는 아직 존재하지 않습니다.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

המאמר / הסרטון שביקשת אינו קיים עדיין.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

El artículo / video que has solicitado no existe todavía.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

Статьи / видео вы запросили еще не существует.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

您所请求的文章/视频尚不存在。

The article/video you have requested doesn't exist yet.

L'articolo / video che hai richiesto non esiste ancora.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

요청한 문서 / 비디오는 아직 존재하지 않습니다.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

המאמר / הסרטון שביקשת אינו קיים עדיין.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

Capítulo 26, Ash-Shu'ara (Os Poetas)

Classificação:
Tamanho da fonte:

Descrição: Os Poetas discute histórias sobre os profetas anteriores e conclui confirmando a origem divina do Alcorão.

  • Por Aisha Stacey (© 2019 IslamReligion.com)
  • Publicado em 27 May 2019
  • Última modificação em 27 May 2019
  • Impresso: 0
  • Visualizado: 292 (média diária: 3)
  • Classificação: sem comentários
  • Classificado por: 0
  • Enviado por email: 0
  • Comentado em: 0

Introdução

Este capítulo de 227 versículos foi revelado em Meca.  Como todos os capítulos de Meca, está principalmente preocupado com a Unicidade de Deus.

Versículos 1 - 9 Revelações claras

Chapter-27.jpgOs Poetas é o primeiro dos vinte e nove capítulos que começam com uma combinação de letras árabes.  Esta combinação é Ta Sin Mim.   Deus não revelou um significado específico para essas letras; entretanto, eruditos islâmicos sugeriram muitas teorias.

Estes versículos esclareçam as coisas, ainda assim o Profeta Muhammad, que a misericórdia e as bênçãos de Deus estejam sobre ele, se preocupava com as pessoas que se recusavam a crer.  Deus poderia ter lhes enviado um sinal inegável, mas elas se afastavam a cada revelação.  Agora o Alcorão veio e logo experimentarão a realidade do que zombam.  Precisam apenas olhar ao redor para ver a criação de Deus; um sinal de que Deus é Poderoso e Misericordioso.

Versículos 10 - 68 Moisés e Faraó

Moisés foi enviado para o povo do Faraó, mas temia ser rejeitado por causa de seu discurso.  Deus tranquilizou-o, fazendo de Aarão seu ajudante.   Moisés pediu que os israelitas fossem libertados da escravidão.  Faraó lembrou a Moisés de seu tempo no Egito e o chamou de ingrato.   Moisés falou sobre a glória de Deus e o Faraó o ameaçou com prisão, enquanto zombava dele e de Deus.  Moisés demonstrou os milagres que Deus lhe permitiu executar.  Ele jogou seu cajado que se transformou em uma cobra e de suas vestes ele retirou sua mão, brilhante e branca.  Ele foi chamado de feiticeiro e o Faraó e seus conselheiros organizaram uma competição com seus feiticeiros. 

Na assembleia os feiticeiros jogaram suas cordas, mas o cajado de Moisés devorou suas ilusões.  Os feiticeiros se prostraram a Deus e o Faraó os crucificou.  Deus inspirou Moisés a fugir à noite com todos os israelitas.  O Faraó enviou um exército para impedir a sua emigração.  Ao nascer do sol o povo do Faraó tinha encurralado os israelitas nas margens do Mar Vermelho.  Moisés bateu no mar com seu cajado e as ondas se abriram, permitindo-lhes escapar.  Os perseguidores foram afogados.  Este é um sinal para aqueles que creem.  Deus é Perdoador e Misericordioso.

Versículos 69 - 104 Profeta Abraão

Abraão perguntou a seu pai e ao seu povo sobre a sua adoração de ídolos.  Ele ressaltou que os ídolos não poderiam beneficiá-los ou prejudicá-los, mas o seu povo respondeu que seguiam a prática de seus antepassados.  Abraão denunciou todos eles e prometeu sua fidelidade a Deus, Aquele que o orienta, sustenta, cura e irá ressuscitá-lo.  Abraão suplicou que Deus o reunisse com os justos, dando-lhe honra entre gerações posteriores e lhe concedesse repousar nos jardins do Paraíso; ele também pediu que seu pai fosse perdoado.  Crianças e riqueza não terão valor naquele Dia.  Apenas aqueles que se apresentarem diante de Deus com um coração puro serão beneficiados.

O Paraíso será trazido para perto dos justos e o Inferno será visível para aqueles que se desviaram.  Serão questionados sobre o que adoravam além de Deus e serão arremessados no Inferno com os seus ídolos, incluindo todos os exércitos de Iblis (Satanás).  Discutirão uns com os outros e desejarão ansiosamente retornar à sua vida terrena para outra oportunidade.  Esta história revela uma grande lição.  Deus é Perdoador e Misericordioso. 

Versículos 105 - 140 Noé e Hud

O povo de Noé também rejeitou o seu mensageiro.  Ele era gentil e suave e não pediu nenhum pagamento, mas eles o consideravam e aos que o seguiam pobres e sem valor.  Noé disse que nunca afastaria um crente; que não passava de um admoestador.  Pediram a ele para desistir ou seria apedrejado.  Noé invocou a Deus pedindo um julgamento decisivo.   Deus salvou Noé e os crentes em um navio, os outros foram afogados.  Esta é uma grande lição, mas a maioria não acredita.  Deus é Perdoador e Misericordioso. 

O povo de Ad renegou seu mensageiro Hud.  Pediu-lhes que temessem a Deus sem querer nenhum pagamento.  Eles construíram edifícios altos e fortes como se esperassem viver para sempre e eram tiranos cruéis.  Hud lembrou-lhes que Deus lhes fornecia seu sustento.  O povo de Hud respondeu que não tinha medo de tormento e essa conversa não passava de um mito antigo.  Deus destruiu-os totalmente.  Ele é poderoso e também Misericordioso.

Versículos 141 - 191 Salé, Lot e Shuaib

O povo de Tamud também rejeitou o seu mensageiro.  Quando Salé pediu-lhes para temer a Deus, o acusaram de ser afetado por magia.  Não pediu nenhuma recompensa, lembrou-lhes de suas provisões vindas de Deus e lhes disse para ficar longe de transgressores, mas não foi o suficiente, eles queriam um sinal.   Salé trouxe uma camela para compartilhar sua água; cada um beberia em dias alternados.  As pessoas foram avisadas a não machucá-la, mas elas a esquartejaram.  Na parte da manhã eles estavam cheios de pesar, porque o castigo recaiu sobre eles.  Deus é Perdoador e Misericordioso. 

O povo de Lot também não acreditava.  Não pediu nenhuma recompensa e advertiu-os a temer a Deus.  Lot admoestou-os e advertiu-os a não participarem em atos antinaturais.  Eles responderam ameaçando Lot com expulsão.  Lot pediu a Deus para salvá-lo e a sua família e Ele o fez; todos, exceto sua esposa, que foi destruída com o resto.  Uma chuva de destruição caiu sobre aqueles que tinham sido avisados.  Outra lição que as pessoas não conseguiram aprender.  Deus é Perdoador e Misericordioso. 

O povo de Shuaib não acreditou, apesar de ele ser um mensageiro de confiança que não pediu nenhuma recompensa.  Ele alertou seu povo para pesar com balanças corretas, para dar plena medida e não espalhar a corrupção, mas o acusavam de ser enfeitiçado.  Eles o chamaram de mentiroso e pediram para fazer com que fragmentos do céu caíssem sobre eles, se fosse verdadeiro.  Devido à sua negação teimosa o tormento se apoderou deles, um flagelo vindo das nuvens escuras.  A maioria não aprende a lição e não se torna crente.  Deus é Perdoador e Misericordioso.

Versículos 191 - 227 Revelação

Este Alcorão vem de Deus, trazido ao Profeta Muhammad através do Anjo Gabriel, como um aviso às pessoas em língua árabe clara.  As antigas escrituras previram isso. Por que não é prova suficiente? Se fosse revelado a um não-árabe que recitasse a eles em árabe, ainda assim não acreditariam.  Deus coloca incredulidade nos corações dos culpados.  Eles não acreditarão até que vejam o tormento e, naquele momento, pedirão trégua.   O divertimento passado não é proteção contra o tormento.  Deus nunca destruiu uma população sem um admoestador.  Ele nunca é injusto.  Os gênios não trouxeram o Alcorão.  Não adorem outra coisa além de Deus.  Avisem o seu parente próximo (ó Muhammad) e mostre benevolência para com os crentes.  Se desobedecerem também serão responsabilizados por suas ações.  Coloque sua confiança em Deus.  Os demônios descem sobre os mentirosos e só os perdidos seguem os poetas; exceto os poetas que creem e são justos.  E os opressores saberão para o que eles retornarão.  

Adicione um comentário

Outros Artigos na Mesma Categoria

Mais visualizados

DAILY
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
TOTAL
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Favorito del editor

Listar Artigos

Desde sua última visita
Esta lista no momento está vazia.
Todos por data
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Mais Populares

Melhores classificados
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais enviados por email
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais impressos
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais comentados
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Seus Favoritos

Sua lista de favoritos está vazia.  Você pode adicionar artigos a esta lista usando as ferramentas do artigo.

Sua História

Sua história está vazia.

View Desktop Version