Статьи / видео вы запросили еще не существует.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

您所请求的文章/视频尚不存在。

The article/video you have requested doesn't exist yet.

あなたが要求した記事/ビデオはまだ存在していません。

The article/video you have requested doesn't exist yet.

L'articolo / video che hai richiesto non esiste ancora.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

요청한 문서 / 비디오는 아직 존재하지 않습니다.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

המאמר / הסרטון שביקשת אינו קיים עדיין.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

Статьи / видео вы запросили еще не существует.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

您所请求的文章/视频尚不存在。

The article/video you have requested doesn't exist yet.

L'articolo / video che hai richiesto non esiste ancora.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

요청한 문서 / 비디오는 아직 존재하지 않습니다.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

המאמר / הסרטון שביקשת אינו קיים עדיין.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

Fora do Egito: A história daPáscoa judaica no Alcorão

Classificação:
Tamanho da fonte:

Descrição: No Alcorão uma das histórias mais recontadas é a história da servidão dos filhos de Israel e sua libertação do faraó do Egito.

  • Por Shahul Hameed (ReadingIslam.com)
  • Publicado em 11 Nov 2013
  • Última modificação em 14 Feb 2016
  • Impresso: 37
  • Visualizado: 3354 (média diária: 2)
  • Classificação: sem comentários
  • Classificado por: 0
  • Enviado por email: 2
  • Comentado em: 0

Muitos judeus podem se surpreender ao descobrir que o Islã pregado por Muhammad, que Deus o exalte, era a mesma religião pregada por Abraão e também por outros profetas mencionados no Torá e na Bíblia.  Os muçulmanos honram todos os profetas dos judeus - Abraão, Jacó, José, Moisés, Davi e Salomão, entre outros - como seus próprios profetas e acreditam que todos pregavam uma mensagem, que é a crença na Unicidade de Deus. 

Aqui é como Deus ordenou a Muhammad a sustentar a crença na Unicidade de Deus, que foi defendida pelo profeta Abraão:

E revelamos-te isto (Muhammad), para que adotes o credo de Abraão, o monoteísta, que jamais se contou entre os idólatras.”  (Alcorão 16:123)

É particularmente notável que no Alcorão não exista uma história que seja recontada tantas vezes e com tanta ênfase como a história da servidão dos filhos de Israel e sua subsequente libertação do faraó do Egito.  O Alcorão cita Moisés dizendo ao seu povo:

“Ó meu povo!  Lembrai-vos das mercês e Deus para convosco, quando fez surgir, dentre vós, profetas, e vos fez reis e vos concedeu o que não havia concedido a nenhum dos vossos contemporâneos.” (Alcorão 5:20)

Foi Moisés, com a ajuda e orientação de Deus Todo-Poderoso, que os liderou para fora do Egito em direção à terra prometida.  Deus no Alcorão diz o que significa: 

“Ó Filhos de Israel! Recordai-vos das Minhas mercês, com as quais vos agraciei, e de que vos preferi aos vossos contemporâneos.  E temei o dia em que nenhuma alma poderá advogar por outra, nem lhe será admitida intercessão alguma, nem lhe será aceita compensação, nem ninguém será socorrido!  Recordai-vos de quando vos livramos do povo do Faraó, que vos infligia o mais cruel castigo, degolando os vossos filhos e deixando com vida as vossas mulheres. Naquilo tivestes uma grande prova do vosso Senhor. E de quando dividimos o mar e vos salvamos, e afogamos o povo do Faraó, enquanto olháveis.” Alcorão 2:47-50)

A história é narrada em outra passagem no Alcorão, onde podemos ler esses versículos:

“E fizemos atravessar o mar os israelitas; porém o Faraó e seu exército perseguiram-no iníqua e hostilmente até que, estando a ponto de afogar-se, o Faraó disse: “Creio agora que não há mais divindade além de Deus em que creem os israelitas, e sou um dos submissos!” (E foi-lhe dito): Agora crês, ao passo que antes te havias rebelado e eras um dos corruptores! Porém, hoje salvamos apenas o teu corpo, para que sirvas de exemplo à tua posteridade. Em verdade, há muitos humanos que estão negligenciando os Nossos versículos. E concedemos aos israelitas um agradável abrigo e os agraciamos com todo o bem. Mas disputaram entre si, depois de receberem o conhecimento. Teu Senhor julgará entre eles pelas suas divergências, no Dia da Ressurreição.” (Alcorão 10:90-93)

Os tormentos infligidos aos Filhos de Israel pelo faraó eram contínuos e duros e, então, Deus enviou Seus profetas Moisés e Aarão (que Deus exalte a ambos) para advertir o tirano de que devia parar a opressão sobre os Filhos de Israel e libertá-los.

Mas ele era arrogante e se recusou a libertar os judeus, até a última das pragas que Deus enviou como punição.   

Sob a orientação de Deus os israelitas fugiram do Egito, enquanto o faraó e seus homens os perseguiam.  Parecia que a jornada terminaria no Mar Vermelho, que impediu que escapassem.

Mas aconteceu um milagre quando Moisés bateu na água com seu cajado: as ondas do Mar Vermelho se abriram e os israelitas correram pela passagem entre as ondas abertas.  O faraó e seus soldados os seguiram, mas quando os israelitas alcançaram a outra margem, o mar se fechou tragando seus perseguidores.  Assim os israelitas foram libertados da servidão e o faraó e seu povo pereceram.  

Quando o profeta Muhammad veio para Medina no décimo mês lunar de Muharram, descobriu que os judeus de lá estavam jejuando.

“O profeta lhes perguntou por que estavam jejuando e eles explicaram que foi o dia em que Deus salvou os Filhos de Israel do faraó e Moisés jejuou nesse dia em agradecimento.  O profeta disse: “Temos mais direitos sobre Moisés do que vocês.” Ele jejuou naquele dia e ordenou aos muçulmanos jejuar naquele dia.” (Saheeh Al-Bukhari)

 

Adicione um comentário

Outros Artigos na Mesma Categoria

Mais visualizados

DAILY
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
TOTAL
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Favorito del editor

Listar Artigos

Desde sua última visita
Esta lista no momento está vazia.
Todos por data
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Mais Populares

Melhores classificados
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais enviados por email
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais impressos
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais comentados
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Seus Favoritos

Sua lista de favoritos está vazia.  Você pode adicionar artigos a esta lista usando as ferramentas do artigo.

Sua História

Sua história está vazia.

View Desktop Version