L'articolo / video che hai richiesto non esiste ancora.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

요청한 문서 / 비디오는 아직 존재하지 않습니다.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

המאמר / הסרטון שביקשת אינו קיים עדיין.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

L'articolo / video che hai richiesto non esiste ancora.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

요청한 문서 / 비디오는 아직 존재하지 않습니다.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

המאמר / הסרטון שביקשת אינו קיים עדיין.

The article/video you have requested doesn't exist yet.

Quem é o Profeta Muhammad?

Classificação:   
Tamanho da fonte:

Descrição: Misericórdia de Deus para a humanidade.

  • Por Aisha Stacey (© 2012 IslamReligion.com)
  • Publicado em 02 Jul 2012
  • Última modificação em 02 Jul 2012
  • Impresso: 262
  • Visualizado: 25924 (média diária: 14)
  • Classificação: 5 de 5
  • Classificado por: 2
  • Enviado por email: 0
  • Comentado em: 2

O profeta Muhammad, que a misericórdia e bênçãos de Deus estejam sobre ele, é o homem amado por mais de 1,2 bilhões de muçulmanos.  É o homem que nos ensinou paciência em face de adversidade e a viver nesse mundo, mas buscar a vida eterna.  Foi ao profeta Muhammad que Deus revelou o Alcorão.  Junto com esse Livro de orientação Deus enviou o profeta Muhammad, cujo comportamento e altos padrões morais são um exemplo para todos nós.  A vida do profeta Muhammad foi o Alcorão.  Ele o compreendia, amava e viveu sua vida baseado em seus padrões.  Ensinou-nos a recitar o Alcorão, a viver de acordo com seus princípios e a amá-lo.  Quando os muçulmanos declaram sua fé no Deus Único, também declaram sua fé de que Muhammad é o servo e mensageiro final de Deus. 

Quando um muçulmano ouve o nome de Muhammad ser mencionado, pede a Deus que envie bênçãos sobre ele.  O profeta Muhammad era um homem, um ser humano como qualquer outro homem, mas seu amor pela humanidade o destaca.  Os muçulmanos amam o profeta Muhammad, mas seu amor por nós faz dele um homem como nenhum outro.  Ansiava pelo Paraíso não apenas para si mesmo, mas também para todos nós.  Chorava não apenas por si mesmo, mas por sua Ummah[1] e pela humanidade.  Frequentemente era ouvido dizendo: “Ó Deus, minha Ummah, minha Ummah”.

Os muçulmanos também acreditam nos mesmos profetas mencionados nas tradições judaicas e cristãs, incluindo Noé, Moisés, Abraão e Jesus e acreditam que todos os profetas vieram com a mesma mensagem – adorar somente a Deus, sem parceiros, filhos ou filhas.  Há uma diferença, entretanto, entre todos os outros profetas e o profeta Muhammad.  Antes de Muhammad os profetas eram enviados para um povo em particular em lugares e períodos particulares.  Muhammad, entretanto, é o profeta final e sua mensagem é para toda a humanidade.

Deus nos diz no Alcorão que Ele enviou o profeta Muhammad como uma misericórdia para a humanidade.  “E não te enviamos, senão como misericórdia para a humanidade, gênios e tudo que existe.”  (Alcorão 21:107) Deus não disse que Muhammad foi enviado para o povo da Arábia, para os homens ou para as pessoas do século 7.   Deixou claro que o profeta Muhammad era um profeta como nenhum outro, cuja mensagem seria propagada amplamente e seria aplicável em todos os lugares e em todas as épocas.  Os muçulmanos o amam, o respeitam e o seguem.  Eles o têm em tão alta estima que para muitos é emocionalmente doloroso ver ou ouvir que seu amado mentor é ridicularizado ou desrespeitado. 

Ao longo da história e em todo o mundo os não-muçulmanos demonstraram grande respeito e honra ao profeta Muhammad e ele é considerado influente tanto em questões religiosas quanto seculares.  Mahatma Gandhi o descreveu como escrupuloso em relação a promessas, intenso em sua devoção aos amigos e seguidores, intrépido, destemido e com absoluta confiança em Deus e em sua própria missão.  O profeta Muhammad ensinou o Islã como uma forma de vida, fundou um império, estabeleceu um código moral e instituiu um sistema legal que foca no respeito, tolerância e justiça.

O que há no profeta Muhammad que inspira tanta devoção?  Sua natureza gentil e amável, sua bondade e generosidade ou sua habilidade de ter empatia com toda a humanidade?  Muhammad era um homem altruísta que devotou os últimos 23 anos de sua vida ensinando seus companheiros e seguidores como adorar Deus e respeitar a humanidade.  O profeta Muhammad era totalmente ciente de quanta responsabilidade lhe tinha sido confiada por Deus.  Foi cuidadoso em ensinar a mensagem da forma como Deus havia prescrito e alertou seus seguidores para não o adularem da forma como Jesus, filho de Maria, foi adulado.[2]

Os muçulmanos não adoram o profeta Muhammad, porque entendem que é apenas um homem.  Entretanto, é um homem que merece nosso profundo respeito e amor.  O profeta Muhammad amou tanto a humanidade que chorava e temia por ela.  Amou sua Ummah com devoção tão profunda que Deus destacou a profundidade de seu amor por nós no Alcorão.

“Chegou-vos um Mensageiro de vossa raça, que se apieda do vosso infortúnio, anseia por proteger-vos, e é compassivo e misericordioso para com os crentes.” (Alcorão 9:128)

O profeta Muhammad nos ensinou a amar e obedecer a Deus.  Ensinou-nos a sermos gentis uns com os outros, respeitar nossos idosos e cuidar de nossas crianças.  Ensinou-nos que era melhor dar que receber e que cada vida humana merece respeito e dignidade.  Ensinou-nos a amar para nossos irmãos e irmãs o que amamos para nós mesmos.  O profeta Muhammad nos ensinou que famílias e comunidades são essenciais e destacou que direitos individuais, embora importantes, não são mais importantes que uma sociedade estável e com moral.  Ensinou-nos que homens e mulheres são iguais aos olhos de Deus e que nenhuma pessoa é melhor que outra, exceto em relação à sua piedade e devoção a Deus.

Quem é o profeta Muhammad?  Simplesmente é o homem que se apresentará perante Deus no Dia do Juízo e implorará a Deus que tenha misericórdia de nós.  Intercederá por nós. Os muçulmanos o amam porque é o servo e mensageiro de Deus, uma misericórdia para a humanidade e sua bondade e devoção à humanidade não têm precedentes.



Footnotes:

[1]  A tradução da palavra árabe Ummah é nação, mas significa mais que um país com fronteiras. É uma irmandade de homens, mulheres e crianças unidos em seu amor pelo Deus Único e sua admiração por Muhammad, o profeta de Deus.

[2] Saheeh Al-Bukhari

Comentários de Usuário Visualizar comentários

Adicione um comentário

Outros Artigos na Mesma Categoria

Mais visualizados

DAILY
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
TOTAL
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Favorito del editor

Listar Artigos

Desde sua última visita
Esta lista no momento está vazia.
Todos por data
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Mais Populares

Melhores classificados
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais enviados por email
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais impressos
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
Mais comentados
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)
(Leia mais...)

Seus Favoritos

Sua lista de favoritos está vazia.  Você pode adicionar artigos a esta lista usando as ferramentas do artigo.

Sua História

Sua história está vazia.

View Desktop Version